Presidente da Embratur no Visit.Pernambuco diz que governo prioriza turismo

por Paulo Atzingen, de Porto de Galinhas (PE)*


O Porto de Galinhas Convention & Visitors Bureau (PGACVB) e a Associação dos Hotéis de Porto de Galinhas (AHPG) em parceria com o SEBRAE, o Governo Federal, através da Embratur, e o Governo de Pernambuco, representado pela Secretaria de Turismo e Lazer de Pernambuco e a Empetur, realizam a segunda edição do Visit.Pernambuco Travel Show. O evento que vai até quarta-feira (2), começou hoje no Convention Center do Armação Resort

Na entrevista coletiva que antecedeu a abertura do evento, o presidente da Embratur Gilson Machado Neto defendeu o governo federal. “O governo de (Jair) Bolsonaro tem o turismo como um de seus focos principais. Não ficamos no gabinete e governamos com palavras, mas com ações”, disse Neto.

Em sua fala, Gilson disse que é empresário hoteleiro e agricultor e reconhece essas duas cadeias produtivas como fundamentais na economia nacional. “Sabemos que (o turismo) é importante, mas não por causa do governo, mas por causa dos empresários”, disse o presidente da Embratur à hoteleiros, profissionais do trade e jornalistas. “Sou do trade, sei da importância do setor”, reforçou.

Eduardo Tiburtius, presidente da AHPG (Crédito: DT)

Força Midiática

Questionado pelo DIÁRIO se não era o momento de usar uma linguagem unificada entre municípios, estados e união e utilizar toda a força midiática do governo federal em uma campanha para falar aos brasileiros sobre a suposta segunda onda que paira nos estados e municípios, Gilson disse que o governo está fazendo o que pode para enfrentar a pandemia, em especial o Ministério da Saúde e a Anvisa. “Dentro da nossa alçada os cruzeiros não foram liberados”. A Anvisa avalia protocolos sanitários para decidir se autoriza ou não a retomada dos cruzeiro no país para a temporada 2020 e 2021.

O turismo de Porto de Galinhas se reconstrói lentamente. De acordo com Eduardo Tiburtius, presidente do Porto de Galinhas Convention Bureau no auge da pandemia (março abril) o percentual de demissões chegou a 40% da força de trabalho do destino turístico. “Estamos recuperando e hoje já recuperamos 15% desse montante”. Porto de Galinhas, pertencente ao município de Ipojuca, tem cerca de 4.5 mil pessoas que trabalham nos meios de hospedagem, segundo a Associação de Hotéis de Porto de Galinhas (AHPG).

“Trabalhamos o destino à frente dos empreendimentos. Se o destino estiver bem cotado em alta a hotelaria ganha com isso diretamente. Temos uma concorrência muito positiva, afirmou Tiburtius ao DIÁRIO. 

Visit Pernambuco

Neste ano, o Visit.Pernambuco conta com a presença de 60 empresas de vários estados brasileiros, além de 70 expositores que vão apresentar seus produtos, como hotéis, pousadas, receptivos e restaurantes. O Visit também terá a participação de 13 co-expositores que ficarão no estande de 120m² da Embratur, os quais irão mostrar as novidades de Foz do Iguaçu, Canela, Tocantins, Paraná, São Sebastião e Rio Grande do Norte. Questionado pelo DT qual o valor o valor do investimento, Eduardo adiantou que girou em torno de R$ 800 mil, com a participação da Embratur, do Governo do Estado de Pernambuco e do Sebrae como os principais patrocinadores.

O Centro de Eventos Armação, em Porto de Galinhas (Crédito: DT)

Protocolos

Os organizadores garantem que o evento será pleno em termos de segurança à todos os participantes. Adotaram diversos procedimentos que visam proteger o público. São eles: os horários de chegada e saída deverão ser rigorosamente respeitados para não criar aglomeração, o uso de máscara será fiscalizado pela equipe do evento, os crachás de identificação serão entregues nos hotéis de hospedagem, a agenda para rodada de negócios está sendo marcada através de um sistema próprio do Visit, entre outras medidas. No total, o evento contará com mais de 200 pessoas.

“Reduzimos o público para atender os novos protocolos do setor de eventos, mas nem por isso deixaremos de lado o principal objetivo do Visit.Pernambuco, que é captar novos mercados para o destino de Porto de Galinhas. Estamos prontos para trabalhar e atender todos os envolvidos com segurança e responsabilidade”, garante Eduardo Tiburtius.


SERVIÇO

Quando? 30 de novembro a 02 de dezembro

Onde? Convention Center do Armação Resort, em Porto de Galinhas

1 COMENTÁRIO

  1. Visitei Porto de Galinhas 4 dias atrás e fiquei horrorizada com a quantia de pessoas, a maioria sem máscaras e não é só isso, o pior é que conta-se nos dedos os estabelecimentos que os atendentes usam a máscara e/ou que tem álcool gel para oferecer aos clientes.
    Quanto aos outros vilarejos, praias e municípios do estado de Pernambuco que visitei nos últimos 8 dias, foi de arrepiar pois tem muito esgoto correndo a céu aberto, lixo sem recolher em muitos lugares. Basta sair da orla onde o turista passeia para ver muito descaso dos governantes que não priorizam seus nativos. Ha de se fazer muito esforço conjunto para educar a todos, para receber o turista, que traz muitas divisas aos lugares, começando com os “donos” das barracas de praia a não usar tanto plástico, a recolher o lixo que seus clientes deixam nas mesas e que voam para o mar. Tem tanta coisa primária a se fazer antes de pensar em trazer mais turistas para o local.

Comentários estão fechados.

CADASTRE-SE GRATUITAMENTE

TENHA ACESSO À CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

+ 300 MATÉRIAS COM CONTEÚDO DIRECIONADO

RECEBA AS ATUALIZAÇÕES EM 1ª MÃO

Tenha acesso ILIMITADO ao conteúdo EXCLUSIVO de turismo.

Conteúdo exclusivo

Recentes

Mais do DT

Atendimento Comercial