Termas Puyehue: cavalgada entre vales e colinas da Patagônia

Por Paulo Atzingen (de Puyehue, Chile)*

Euro, Perla, Fantasia, Pulsera e Pincóia são os nomes de alguns dos 15 cavalos que ficam na cocheira do hotel Termas Puyehue prontos para o hóspede montar. A cocheira se acessa descendo por uma trilha bem cuidada cercada de flora nativa.

A manhã deste mês de agosto amanheceu nublada e com um leve chuvisco, mas o monitor Danny Rosales se antecipou trazendo capas próprias para qualquer tipo de intempérie. “Só não fazemos cavalgada com vento muito forte. Pode ter neve, chuva ou sol e o passeio é garantido”, afirma em um claro espanhol. Segundo ele, com ventania o sentido dos cavalos se altera, não escutam e ficam indisciplinados.

O trajeto de aproximadamente três quilômetros dura em torno de uma hora
O trajeto de aproximadamente três quilômetros dura em torno de uma hora

Espetáculos à parte

O trajeto de aproximadamente três quilômetros dura em torno de uma hora. A beleza do mundo rural da região dos Lagos, ao sul de Santiago é difícil descrever mesmo sem o sol fazendo contraste. O silêncio é cortado por gritos de bandurrias (uma espécie de aves típicas dos andes) que surgem em bandos, fazendo algazarra.  Existe uma lenda chilena de que esta revoada de bandurrias gritando indica bom tempo à vista. O passeio tem espetáculos à parte: vacas canadenses Hereford  produtoras de carne pastando em manadas ou sozinhas, casas de colonos nascidas como de um conto de fadas e, ao fundo, o lago Puyehue condensado pela neblina que vem da cordilheira dos Andes.

Cavalo Euro: dócil
Cavalo Euro: dócil

Segurança

As observações de segurança para o passeio são muito claras – apesar do baixo risco e da docilidade dos animais, todos domesticados. Os hóspedes são orientados a seguir sempre em linha, evitando andar lado a lado, não galopar e não deixar o cavalo fazer seu lanche (pastar) pois pode criar um efeito dominó e atrasar o passeio.  “Segurar o arreio com firmeza e desfrutar a experiência”, instrui o monitor.

“Temos todos os dias vários passeios, mas sempre com um número limitado de participantes (seis), por questão de segurança e para que o hóspede aproveite toda a beleza do lugar”, afirma Rosales.

Danny Rosales, nosso guia, é natural de Puerto Montt, a capital da Província de Llanquihue e a principal cidade da Região de Los Lagos onde ergue-se o hotel Termas de Puyehue.

Dani Rosales, nosso guia e monitor de montaria
Danny Rosales, nosso guia e monitor de montaria

O Hotel

Termas Puyehue – Wellness & Spa Resort está a menos de duas horas de voo, ao sul de Santiago do Chile, a uma hora da cidade de Osorno e a cerca de 170 quilômetros de Bariloche (Argentina). O hotel é rodeado de bosques, rios e lagos do Parque Nacional Puyehue, um santuário da natureza patagônica. Possui 107 apartamentos, três piscinas termais, boliche, SPA e restaurantes com grande variedade gastronômica.

O hotel é rodeado de bosques, rios e lagos do Parque Nacional Puyehue, um santuário da natureza patagônica
O hotel do grupo chileno Transoceânico é rodeado de bosques, rios e lagos do Parque Nacional Puyehue, um santuário da natureza patagônica

www.puyehue.cl

O DIÁRIO DO TURISMO – viajou a convite do grupo Transoceânica (Chile), tendo seguro GTA, comunicação ChatSim e apoio JoãoAraújo Promoção

Confira outras imagens:

 

 

Paulo Atzingen
Paulo Atzingenhttps://www.diariodoturismo.com.br
Paulo Atzingen é paulista e jornalista profissional (DRT-185 PA) desde o ano 2000; cursou Letras e Artes e Comunicação Social na Universidade Federal do Pará (UFPA), É poeta, contista e cronista. Estuda gaita (harmônica).

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


Mais recentes

Associação Brasileira de Enologia faz nota de repúdio à coluna de Hélio Shwartsman

Uma nota assinada pelo presidente da Associação Brasileira de Enologia,  Daniel Salvador e pelo presidente da Organização Internacional do Vinho e do Vinho, Regina...

Mal conservado e em dificuldades financeiras Fundo Financeiro requer falência da Braston Hotéis

O Summit Fundo de Investimento em Direitos Creditórios - Vara/Comarca: 1a Vara de Falências e Recuperações Judiciais de São Paulo/SP requereu na última semana...

Booking.com apresenta as tendências de viagens pós pandemia (ou enquanto ela não acabar)

Sonhos para as próximas viagens, novos valores para a vida de viajante, cuidados que serão tomados a partir de agora e a importância em...

Maria Fumaça para Morretes volta a funcionar em novembro

Conhecida dos curitibanos por circular na cidade durante o período que antecede o Natal, a Maria Fumaça despertou o carinho do público e se...

Companhias aéreas enfrentam teste de sobrevivência com demora em retomada

A segunda onda de covid-19 atrasa a recuperação das viagens aéreas, o que torna o inverno no hemisfério norte um teste de sobrevivência para...

Relacionadas

Fique ligado - Receba nossas notícias diárias

Open chat