Visite Guarujá anuncia filiação ao Turismo LGBT

O GCVB – Visite Guarujá filiou-se à IGLTA – Associação Internacional de Turismo LGBT. Formalização se deu na Secretaria Municipal de Turismo da cidade, com as presenças do Coordenador da IGLTA, Clóvis Casemiro; Ailton Botelho, editor-chefe da Vipado e proprietário da Guest House Guarujá; Fábio Santos, secretário adjunto de Turismo de Guarujá e da presidente do GCVB, Maria Laudenir C. S. de Oliveira, a Lau.

De acordo com tratativas em curso, encaminhadas pelas entidades de maior peso no Turismo de Guarujá, há um desenho promissor voltado para promoções de alta atratividade.

As potencialidades do Turismo LGBT, especialmente na indústria de eventos, ganha consistência quando analisamos números e também tendências no país ao redor do mundo.  O Brasil, hoje, é o 2º maior país em numero de membros IGLTA, com mais de 80 associados, atrás apenas dos EUA. E a IGLTA é a maior associação de turismo LGBT do mundo, com mais de dois mil membros em cerca de 80 países.

Os gastos dos viajantes da comunidade LGBT já superaram US$ 218 bilhões, de acordo com a empresa de consultoria Out Now, durante a WTM Londres do ano passado. E o Brasil é destaque nesses números – US$ 26,8 bilhões. Os dados globais revelam um mercado robusto, diversificado e crescente.

Estudo da IGLTA dá conta de que o turista LGBT se mostra mais exigente em relação à qualidade dos serviços contratados. Realiza média de quatro viagens por ano. E 45% dos gays e lésbicas viajam para o Exterior todos os anos – enquanto a média nacional é de 9%. O gasto dos turistas LGBT foi apontado, pela pesquisa, como sendo 30% maior em relação a outros viajantes. Em relação ao tipo de viagem realizada, 15% realizam cruzeiros (contra 2% da média nacional), 87% fazem viagens por intermédio de agências (contra 42%) e 89% tem curso superior completo.

A presidente do GCVB, Maria Laudenir C. S. de Oliveira, a Lau, manifesta sua confiança no impulsionamento do Turismo LGBT em Guarujá. “A sociedade civil organizada de Guarujá passa longe de visões preconceituosas e reacionárias em relação ao tema. Aqui não confundimos Turismo LGBT com Turismo Sexual, que não se misturam. Nosso foco é o desenvolvimento sustentável do destino, onde o segmento MICE ganha mais e mais relevância”, conclui Lau.

Redação
Redaçãohttps://www.diariodoturismo.com.br
Primeiro e-Diário de Turismo do Brasil

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


Mais recentes

E-book detalha informações sobre recuperação judicial de empresas

Informações relevantes sobre as medidas necessárias e exigidas por lei em relação à retomada de negócios, principalmente, no atual cenário econômico imposto pela pandemia...

Harvard: máscaras faciais usadas durante toda a viagem oferecem grande proteção contra a COVID-19

As máscaras faciais são parte essencial de uma estratégia em múltiplas frentes para manter os clientes seguros e reduzir a transmissão de COVID-19 durante...

Isolamento social gerou “pandemia de cibercrimes” diz Ministério da Justiça

Alesandro Barreto, do Laboratório de Operações Cibernéticas do Ministério da Justiça   AGÊNCIAS COM EDIÇÃO DO DIÁRIO O isolamento social provocado pela pandemia de Covid-19 aumentou o...

Mercure Salvador Rio Vermelho alinhado aos protocolos de segurança da Accor

Pode até parecer um filme de ficção científica, mas são apenas cuidados para enfrentar o Covid-19: uma atendente com protetor facial, máscara e luvas...

Morre o amigo, colega e ex-presidente da ABIH Nacional, Eraldo Alves da Cruz

Por Paulo Atzingen Generoso, amigo, e um homem que deixava muito clara sua fé, por meio de gestos, palavras e postagens no facebook. Estou falando...

Energia Solar e Eólica atingem 67% de geração de energia elétrica no mundo

As fotovoltaicas (PV) dominaram o setor como a principal nova fonte de tecnologia de geração de energia adicionada às redes de dezenas de países...

Relacionadas

Fique ligado - Receba nossas notícias diárias

Open chat