No Festuris, Alexandre Sampaio (CNC) fala sobre o Turismo no Sul do País e revela expectativas com o novo governo

Nome de destaque na luta pelo Turismo no Brasil, Alexandre Sampaio recebeu a reportagem do Diário do Turismo durante o 30º Festuris Gramado

Por Hugo Massahiro Okada, repórter freelancer do Diário do Turismo

Alexandre Sampaio é um dos nomes de maior destaque no Turismo brasileiro. Não a toa, sempre ocupa um lugar de honra na abertura de importantes eventos do setor como a Abav-Expo e o Festuris Gramado, realizado no último final de semana no Serra Park, em Gramado (RS). O Diário do Turismo preparou algumas perguntas para o executivo, que demonstra boas expectativas para o segmento com a chegada do novo presidente. Confira.

Diário do Turismo – Para começar, gostaríamos que compartilhasse suas expectativas para o mercado do Turismo na região Sul do Brasil.

Alexandre Sampaio – Na verdade nós temos boas expectativas face aos governadores eleitos recentemente. Santa Catarina tem um governador eleito pelo mesmo partido do novo presidente; o Rio Grande do Sul tem um governador reeleito com uma gestão bem avaliada no que tange ao Turismo, com destaque para a cidade de Pelotas; e eventualmente o Paraná tem um DNA muito interessante porque o vice-governador é oriundo da Fecomércio Paraná, sendo um homem voltado para o Turismo. Dessa forma, acho que os três Estados estão muito bem representados, além da gestão de um presidente que entende que o Turismo deve ter importância preponderante nos próximos quatro anos e já manifestou isso a partir do documento que nós (CNC e entidades patronais) entregamos, então acho que o Turismo terá papel relevante não apenas na região Sul como em todo o Brasil.

DT – Como o senhor avalia a performance do Turismo na região Sul?

Sampaio – Na verdade existe uma variação muito grande do que você pode definir como performance. Empregabilidade, gestão de desenvolvimento, entre outros tópicos. O Sul têm ilhas de excelência como Gramado que é um case de sucesso sul-americano e de referência mundial, com o Turismo resolvido com profissionalismo, dedicação da comunidade empresarial junto com a população e política com consciência da significância do que o setor pode fazer pela região. Também existem outros elementos como a proximidade com os argentinos, um mercado emissor para as praias catarinenses na temporada de verão, o turismo histórico e o de negócios com o fomento do setor agrícola do Rio Grande do Sul. Eu diria que o Rio Grande do Sul sofreu com a crise mas obteve resultados expressivos nesses últimos quatro anos.

Novo governo: como fica o Turismo?

DT – O senhor acredita que neste novo governo a pasta do Turismo deve se fortalecer, perdendo a pecha de ser constantemente “posta de lado” pelos governos anteriores?

Sampaio – A manifestação sob a forma de uma carta nossa para o presidente na qual grande parte do trade se mostrou favorável pelo mantenimento do ministro, foi necessária pelo fato de que “quem não grita não é notado”. Isso pode ser evidenciado pela bancada do agronegócio. A manifestação uníssona e firme de que o movimento do Turismo é um movimento que deve ser notado pelos governantes, apesar do entendimento da importância do setor por parte do presidente eleito manifestado diversas vezes, visa a concentração daquela parte que foi inicialmente anunciada como integração nacional cidades e turistas. Ou seja, fizemos ali um manifesto de que o turismo quer ser preponderante num secretaria ali dentro se esse for o desenho final. Reconheço que o ministro Lummertz está fazendo um belo trabalho e que ele é altamente capacitado para assumir este cargo, mas não temos esperança de que o Turismo possa ser singular na Esplanada dos Ministérios. Acredito na união com algumas especificações, como a Cultura e Esportes, que poderiam ser muito boas. Resumindo, achamos que o Turismo pode ter um papel preponderante para desempenhar no próximo governo, vamos esperar pelo melhor desenho que concilie a redução do custo operacional do Governo com a expressão cabal administrativa do Turismo.

O Diário do Turismo viajou a Gramado a convite da organização do Festuris Gramado.

Avatar
Redaçãohttps://www.diariodoturismo.com.br
Primeiro e-Diário de Turismo do Brasil

Assine nossa newsletter

E fique por dentro das notícias mais importantes do setor!


Mais recentes

Pernambuco amplia horário de funcionamento de restaurantes e bares a partir da segunda-feira (10)

Os turistas que estão começando a planejar viagens para Pernambuco contam com uma boa notícia. A Secretaria de Turismo do Estado informa que devido...

Restaurante Syria resgata a essência da comida árabe em São Paulo

Por Mary Ellen Aquino (Com Edição do DT)* No mesma terça-feira (4) deste mês de Agosto em que uma grande explosão destruiu uma parte de...

SPCVB realiza capacitações online sobre destinos paulistas durante pandemia

Ações de promoção foram realizadas em forma de digital desde o início da pandemia Mesmo diante da presente pandemia que assola empresas e mercados, o...

Beach Park, no Ceará,  reabre para hóspedes em soft opening

Após 140 dias fechado, o Beach Park reabriu o parque aquático na última quinta-feira (6) somente para hóspedes e em soft opening. Em nota,...

Show dos 80 anos de Roberto Carlos será mesmo no Iberostar da Bahia

Após idas e vindas de uma possível mudança de data do show Emoções de Roberto Carlos, o diretor do Iberostar Brasil, Orlando Giglio, confirmou...

Parque Nacional de Jericoacoara reabre neste sábado após autorização do ICMBio

Mais um destino turístico brasileiro retoma suas atividades nesta semana. O Parque Nacional de Jericoacoara (CE) reabre para visitação pública a partir deste sábado...

Relacionadas

Fique ligado - Receba nossas notícias diárias

Open chat